Tempo Para Ajudar

Página Inicial » Blog » Artigos » Reflexões » Tempo Para Ajudar

Compartilho hoje uma história de aceitação, coragem e amor. Acredito que toda história bonita deve ser compartilhada. Esta é a história real de um casal, que transformou uma adversidade em uma jornada de auto-conhecimento e doação:

“Sempre soubemos que partilhávamos da mesma paixão por viagens e pelo desconhecido. Temos objetivos comuns: conhecer o mundo e construir uma família. Decidimos que nossa prioridade seria a família. Queremos ter filhos e tentamos ao máximo. Foram quatro anos de muita esperança e frustrações. Fizemos de tudo, inúmeros exames e tratamentos e investimos todo o tempo e dinheiro que nos era possível, mas o destino fez com que perdêssemos todas as vezes que começaram certo. Então, enquanto ainda não realizamos este sonho, decidimos abraçar nosso outro objetivo: chegou a hora de viajar pelo mundo. Mas não apenas para conhecer novos lugares, também para cuidarmos de crianças que não tiveram a oportunidade de ter uma família. Quem sabe encontraremos algumas respostas?

– Mila e Danilo

Mila e Danilo decidiram tirar um período sabático. Serão 7 meses de viagem, começando pelo Caminho de Santiago, incluindo ações de voluntariado e visitas a lugares históricos, sagrados ou que permitam muito contato com a natureza – ou nas palavras deles: que nos dessem tempo para Refletir, Aprender, Mudar e Ajudar. Toda esta história, que inicia hoje, 12 de Julho de 2012, será contada em um blog, chamado Tempo para Ajudar. Tenho um carinho especial por esta jornada por tratar-se de um capítulo da história de minha irmã, Mila – também Mestre de Reiki e uma pessoa que amo muito – e meu cunhado Danilo – também uma pessoa muito querida. O exemplo deles tem inspirado e emocionado todos que tomam conhecimento, pela transparência em dividir seus obstáculos e a coragem de seguir em frente. Aproveito para refletir sobre os principais valores desta jornada, para lembrarmos de que são valores que servem para nossas vidas.

Aceitação

Aceitar os desígnios da vida exige um ato de fé. Não falo dos pequenos tropeços, ou de aborrecimentos cotidianos, que nada mais são que ciscos em nossa jornada espiritual. Falo dos grandes obstáculos: o diagnóstico de uma doença, o adeus de uma pessoa querida, um grande desejo ainda não realizado, ou mesmo um grande revés financeiro. Quando é o momento de insistir, e quando é o momento da aceitar? A aceitação não deve ser confundida com conformismo. A aceitação é o reconhecimento de que fizemos tudo ao nosso alcance, e que agora precisamos entregar a Deus e confiar que existe um motivo por trás de tudo que passamos. Por vezes passam-se anos até que seja tirada uma lição de um acontecimento, por vezes estes motivos permanecem uma incógnita. Mas devemos acreditar que, mesmo que escondido atrás das nuvens, o Sol existe, e na hora certa aparecerá para iluminar nosso caminho.

Coragem

É preciso ter coragem para agir. O pensamento é importante para clarear a mente, a meditação e a introspecção são um canal para nos conectarmos com nosso coração, mas no momento certo a ação é fundamental. Abrir mão da estabilidade e rentabilidade de dois empregos ao mesmo tempo, única fonte de renda do casal, exigiu certamente uma grande dose de coragem. Mas a coragem não é necessária somente para as grandes ações. Ela deve ser nossa companheira também em nossas decisões e ações cotidianas. Coragem para abrir-se para os outros, coragem para pedir desculpas, coragem para amar. Às vezes é preciso coragem para acreditar naquele sonho antigo. Outras vezes é preciso coragem para dizer não. O medo paralisa. A coragem e a ação fundamentada nos libertam. Comece acrescentando pequena pitadas de coragem na sua vida. Você irá surpreender-se com os resultados.

Amor

O amor é sempre o mais importante. Toda jornada, sejam 7 meses, seja a nossa vida toda, nada mais é do que uma sucessão de segundos, minutos e momentos. É preciso buscar o amor em nossas vidas, não apenas nas grandes realizações, mas em nosso dia a dia. Todo momento é abençoado, toda vida tem beleza quando temos amor em nossos corações. O amor transforma, liberta e preenche. O amor da doação é um dos mais transformadores. Sempre que puder, doe. Seja o seu amor, sua atenção, ou um sorriso. Você receberá de volta multiplicado.

Como palavras finais desejo a este corajoso casal muita luz em seus caminhos, respostas para suas dúvidas e amor em seus corações.

Quem quiser acompanhar a jornada visite o blog: www.tempoparaajudar.com.br

2012-07-13T17:12:53+00:00